Linha de apoio para que possa obter esclarecimentos sobre a forma de promover o sucesso escolar, as relações interpessoais, os comportamentos saudáveis e o bem-estar das crianças.

Envie a sua questão
PESQUISAR
 
TEMAS

"não!"

2 anos

acordar a meio da noite

actividades

adolescência

agressividade

almoçar na escola

anjinho

ansiedade

assertividade

autonomia

avós

birras

boçar

bondoso

brinca

brinquedos

bruxas

calendário

cansaço

castigos

causa

ciume

comida

competencias; criança; adaptada

comportamento

comportamento alimentar

compromisso

comunicação

contrariedades

crianças hiperactivas - parte 1/3

crianças hiperactivas - parte 2/3

crianças hiperactivas - parte 3/3

criatividade

cultura

delegação; competências; reforço; positi

depressão

desafiar os pais

desenvolvimento

diagnóstico

dificuldades cognitivas

dificuldades de aprendizagem

dinamica familiar

disciplina

dislexia

divorcio

divórcio

doenças

dores de cabeça

dormir

educação

emoção

ensino

escola

esfincter anal

estratégias

falar durante a noite

familia

fraldas

frustração

grelha; acompanhamento; relação

hiperactividade

horários

individuação

infantário

influencias

irmaos

irmãos

irmãos; relação; equipa; partilha

irritações

isolamento

limites

medos

modelos de educação

negociação

negociar

negociar com emoção

obesidade infantil

pais

palmadas

pensamento simbolico

permissividade

privacidade

quarto dos pais

refeições

regras

relação pais-filhos

respostas

separação

separação de pais

sexualidade

sono

sonolencia

sopa

tempo; pais; angustia; dedicação

tolerância

tv

vómito

xi-xi

todas as tags

ARTIGOS
Educação
ARQUIVOS

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Sexta-feira, 28 de Dezembro de 2007
Gestão Para Pais Angustiados
Horários
 
A Importância de respeitar horários.
 
È frequente que nas escolas exista uma hora limite de entrada.
 
É igualmente frequente que os pais não respeitem essa indicação.
 
O que acontece quando as regras da escola são desrespeitadas?
 
Quando qualquer regra é desrespeitada os pais estão a mostrar aos filhos que é permitido ter este comportamento, como as crianças aprendem por imitação este comportamento vai ser interiorizado e utilizado no futuro.
 
Para que os nossos filhos respeitem as regras a que estarão sujeitos ao longo da vida, e muitas delas impostas pelos pais, vamos todos ter de dar o exemplo de que é importante agir dessa forma, só assim podemos exigir comportamento semelhante da parte deles.
 
Não podemos esperar que uma criança aprenda a atravessar a rua, na passadeira destinada aos peões, se quando atravessa na companhia de adultos eles não respeitam essa regra.
 
Devemos lembrar-nos de agir da forma correcta, para que os nossos filhos nos dêem as respostas que consideramos adaptadas.
 
A Equipa Let's Grow


Publicado por consultoriodeeducacao às 18:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 27 de Dezembro de 2007
Gestão Para Pais Angustiados
Negociação
 
A Negociação é uma das competências fundamentais para a adaptação das crianças ao meio envolvente.
 
Esta competência promove a responsabilização e o assumir de compromissos, assim torna-se uma poderosa ferramenta no processo educativo de todas as crianças.
 
Devemos negociar tudo?
 
A resposta é não, existem coisas que são inegociáveis, como por exemplo, ter ou não outro filho.
 
Essa decisão é dos pais, não pode ser uma criança a decidir se vai ter um irmão, no entanto deve ser envolvida desde o início.
 
Mas a mesada pode e deve ser negociada.
 
È importante dar valor às conquistas e um aumento de mesada deve implicar compromisso.
 
Assim deve ser negociado o valor da mesada e que tipo de custos devem ser suportados por ela.
 
Devemos ter o cuidado de não incluir nessas despesas questões como a alimentação, para não corrermos o risco de a meio do mês ter de fazer reforço à mesada, desresponsabilizando a criança pela gestão da mesma.
 
Propomos que a negociação faça parte das actividades familiares, as crianças fazem parte da família e devem participar das decisões que a elas digam respeito.
 
O envolvimento nas decisões promove o empenhamento, garantindo o início da responsabilização.


Publicado por consultoriodeeducacao às 18:04
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 20 de Dezembro de 2007
Gestão Para Pais Angustiados
Gestão de Equipas
 
Já muitas vezes ouvimos ou dissemos alguma frase parecida com esta, “…nem parecem irmãos, estão sempre a lutar, não sei o que fazer.”
 
Não sendo fácil gerir as relações entre irmãos é sem duvida possível!
 
O primeiro passo para esta gestão é o respeito pela diferença, ou seja embora sejam irmãos são com certeza muito diferentes e essa diferença deve ser respeitada.
 
O segundo passo está relacionado com a responsabilidade atribuída ao irmão mais velho, que muitas vezes ainda é um bebé mas que por ser mais velho achamos que deve ter outro nível de responsabilidade.
 
É da nossa responsabilidade como gestores desta equipa transformá-la nisso mesmo, numa equipa.
 
Mas não é fácil porque nesta equipa a principal “cola” de ligação entre os seus elementos, é o afecto e este é também o início de toda a rivalidade.
 
Os irmãos iniciam a sua rivalidade quando competem pelo amor dos pais e nós não nos podemos esquecer desse facto.
 
Assim é obrigatório não tomar partidos, os nossos filhos são diferentes e é essa diferença que vai permitir encontrar a solução para as suas disputas.
 
As disputas entre irmãos são fundamentais para o seu desenvolvimento, os pais devem supervisionar, mas garantindo a distancia que permite aos seus filhos crescer.
 
Nesta relação é interiorizado o sentimento de partilha, mas surge também a consciência do espaço individual.
 
Cada um dos filhos necessita de um suporte diferente, mais ou menos efectivo, e nós, gestores de equipas mais experientes, devemos dar o apoio necessário a cada um deles, nem mais nem menos.
 
Vamos desenvolver esta nossa equipa garantindo a autonomia que permite crescer como pessoa e como elemento desta equipa / família, respeitando as regras de convivência e a individualidade de cada um dos seus elementos.
 
Incentive a negociação e o diálogo, porque vai ajudar a reforçar as relações e a confiança desta sua equipa.
 
No próximo texto falaremos sobre Negociação.
 
A Equipa Let's Grow


Publicado por consultoriodeeducacao às 11:55
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos


Marque a sua consulta







Morada:
Av. António Augusto de Aguiar, 38 R/c Esq.
1050-016 Lisboa
Telefones: 93 933 55 88 / 91 659 88 38
email: info@letsgrow.pt
www.letsgrow.pt
http://consultoriodeeducacao.blogs.sapo.pt/

O QUE É … A LET’S GROW?

A Let’s Grow é um projecto português que nasceu em 2006 da necessidade sentida pelos Psicólogos Miguel Botelho de Barros (área Clínica) e Rui Nunes da Silva (área Social e das Organizações) de criar um programa de consultoria para a infância. Deste modo, a Let’s Grow integra na sua formação duas áreas distintas mas complementares que, ao cruzarem informação, permitiram melhorar significativamente a compreensão e a resposta face às lacunas sentidas nos projectos próprios da infância relativamente às competências sociais e emocionais.

A Let’s Grow é um conceito inovador e muito prático, que adapta as últimas descobertas da Psicologia Social e do Desenvolvimento Infantil às novas necessidades do séc. XXI. Através da aplicação de uma metodologia eficaz e rápida, È possível as crianças experimentarem e interiorizarem as ferramentas que promovem um desenvolvimento mais completo.

A nossa Missão

A missão da Let’s Grow é ser a Parceira das Crianças, suas Famílias e Escolas, de modo a que todos consigam gerir de forma eficaz os processos de crescimento e de mudanças, através do desenvolvimento e optimização das suas competências emocionais e sociais.
blogs SAPO
RSS