Linha de apoio para que possa obter esclarecimentos sobre a forma de promover o sucesso escolar, as relações interpessoais, os comportamentos saudáveis e o bem-estar das crianças.

Envie a sua questão
PESQUISAR
 
TEMAS

"não!"

2 anos

acordar a meio da noite

actividades

adolescência

agressividade

almoçar na escola

anjinho

ansiedade

assertividade

autonomia

avós

birras

boçar

bondoso

brinca

brinquedos

bruxas

calendário

cansaço

castigos

causa

ciume

comida

competencias; criança; adaptada

comportamento

comportamento alimentar

compromisso

comunicação

contrariedades

crianças hiperactivas - parte 1/3

crianças hiperactivas - parte 2/3

crianças hiperactivas - parte 3/3

criatividade

cultura

delegação; competências; reforço; positi

depressão

desafiar os pais

desenvolvimento

diagnóstico

dificuldades cognitivas

dificuldades de aprendizagem

dinamica familiar

disciplina

dislexia

divorcio

divórcio

doenças

dores de cabeça

dormir

educação

emoção

ensino

escola

esfincter anal

estratégias

falar durante a noite

familia

fraldas

frustração

grelha; acompanhamento; relação

hiperactividade

horários

individuação

infantário

influencias

irmaos

irmãos

irmãos; relação; equipa; partilha

irritações

isolamento

limites

medos

modelos de educação

negociação

negociar

negociar com emoção

obesidade infantil

pais

palmadas

pensamento simbolico

permissividade

privacidade

quarto dos pais

refeições

regras

relação pais-filhos

respostas

separação

separação de pais

sexualidade

sono

sonolencia

sopa

tempo; pais; angustia; dedicação

tolerância

tv

vómito

xi-xi

todas as tags

ARTIGOS
Educação
ARQUIVOS

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Terça-feira, 2 de Outubro de 2007
Criança Contrariada

Tenho um filho com 3 anos de idade. É uma criança muito bem disposta, gosta de ir para a escola, faz as actividades bem, a Educadora diz até que as elabora na perfeição.No entanto se for contrariado ou se o tom de voz aumentar não faz nada de jeito, aliás ele faz propositadamente o contrário do que lhe estão a pedir, não faz nada o que lhe impomos (pais ou educadora/auxiliar).Nestas situações de imposição da nossa parte, penso eu que propositadamente ele faz chici nas cuecas, e faz os trabalhos todos mal, portanto faz tudo ao contrário do que lhe é pedido.Cheguei à conclusão que ele faz de propósito para nos irritar. Vou contar uma situação que eu não imaginava que pudesse acontecer: Tenho-lhe ensinado as cores e insisto bastante com ele, passado uns instantes pergunto-lhe as cores que ensinei e ele diz-me tudo trocado e por vezes dá um sorrisinho, no entanto se for voluntariamente ele diz as cores correctas por exemplo: mamã olha ali um balão vermelho. Como fiquei intrigada perguntei à auxiliar se ele na escolinha sabia as cores ao que ela me respondeu que sim. Portanto ele faz mesmo para nos irritar e eu não sei como agir com esta situação, se a ignore ou se faça alguma coisa.

Obrigada.

Sandra Monteiro

Cara Sandra Monteiro,

Obrigado por nos ter escrito a partilhar as suas dúvidas. Na fase do desenvolvimento que o seu filho se encontra é perfeitamente normal que faça aquilo que neste momento a está a preocupar. Isto é, a fase pré-escolar, que durará até aos 5/6 anos é uma fase onde se dão muitas evoluções e novidades a nível das competências sociais, cognitivas, entre outras. É precisamente nesta fase que o seu filho vai começar a lidar com o chamado pensamento mágico, responsável pela capacidade simbólica do pensamento juntamente com um avanço enorme em termos da utilização da linguagem. È nesta fase que o seu filho vai começar a desafiar a realidade e a querer confirmar todas as hipóteses que agora se colocam. Queremos dizer com isto que é nesta fase que as crianças ficam “fascinadas” e “embevecidas” pelas capacidades que estão a descobrir em si mesmo, e portanto faz muito sentido que na escola responda correctamente nas aulas, e que em casa, sendo um ambiente mais descontraído, mais confortável e onde o seu filho naturalmente se sente mais à vontade, não esteja com disposição para repetir o tipo de tarefas que já fez noutro lugar. Pelo contrário, precisamente por responder duma forma desafiadora é que pode indicar que se sente confiante com os pais o suficiente para brincar simbolicamente e desafiar a realidade. Parece-nos que o que o seu filho procura é a confirmação de fazer ou não sentido a execução das suas novas competências. Não nos parece nada que esteja a irritar os pais. Antes pelo contrário…

Com os melhores cumprimentos,

A equipa Let’s Grow



Publicado por consultoriodeeducacao às 12:52
Link do post | Adicionar aos favoritos

De Rose mary de Souza a 20 de Maio de 2009 às 19:00
ESTOU DESESPERADA......

ESTAMOS EM CASA COM UMA SITUAÇÃO MUITO DIFÍCIL ,TEMOS UMA MENINA DE 9 ANOS ADOTIVA,ONDE NUNCA ESCONDEMOS DELA A VERDADE, SEMPRE DEMOS O MELHOR QUE PUDEMOS, DE UM ANO PARA CÁ, ELA VEM VEM MUDANDO DE UMA FORMA QUE MINGUEM ENTENDE O QUE ESTA ACONTECENDO COM ELA, ELA RESPONDE A TODOS, E IGNORANTE, E ESTUPIDA,SE NÃO SEGURA ELA PARTE PARA CIMA DA PESSOA PARA BATER,JA FEZ MINHA MÃE PASSAR MAL INÚMERAS VEZES, GRITAR BERRAR,CHIGAR A TODOS NÃO TEM RESPEITO POR MINGUEM E ACHA QUE E DONA DO NARIZ, A PRÓPRIA NÃO SE VER QUE AINDA E UMA CRIANÇA, ELA SÓ QUER CALÇAR SAPATOS DE SALTO,MAQUIAGENS O TEMPO TODO, ELA MUDOU MUITO E NÓS AMAMOS MUITO ELA ,NÃO QUEREMOS QUE ELA CONTINUE ASSIN,MAS DO JEITO QUE ELA ESTA ,TA DIFÍCIL CONVIVER SEM TOMAR UMA ATITUDE, POIS VEJO A HORA MINHA MÃE ENFARTAR POR CAUSA DO COMPORTAMENTO DELA, POR FAVOR NOS AJUDEM, PRECISAMOS SABER COMO PROCEDER DIANTE DESTE PROBLEMA, PEÇO A JUDÁ DE VOCES,DESDE JÁ AGRADEÇO PELA ATENÇÃO.
MUITO OBRIGADO


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 




Marque a sua consulta







Morada:
Av. António Augusto de Aguiar, 38 R/c Esq.
1050-016 Lisboa
Telefones: 93 933 55 88 / 91 659 88 38
email: info@letsgrow.pt
www.letsgrow.pt
http://consultoriodeeducacao.blogs.sapo.pt/

O QUE É … A LET’S GROW?

A Let’s Grow é um projecto português que nasceu em 2006 da necessidade sentida pelos Psicólogos Miguel Botelho de Barros (área Clínica) e Rui Nunes da Silva (área Social e das Organizações) de criar um programa de consultoria para a infância. Deste modo, a Let’s Grow integra na sua formação duas áreas distintas mas complementares que, ao cruzarem informação, permitiram melhorar significativamente a compreensão e a resposta face às lacunas sentidas nos projectos próprios da infância relativamente às competências sociais e emocionais.

A Let’s Grow é um conceito inovador e muito prático, que adapta as últimas descobertas da Psicologia Social e do Desenvolvimento Infantil às novas necessidades do séc. XXI. Através da aplicação de uma metodologia eficaz e rápida, È possível as crianças experimentarem e interiorizarem as ferramentas que promovem um desenvolvimento mais completo.

A nossa Missão

A missão da Let’s Grow é ser a Parceira das Crianças, suas Famílias e Escolas, de modo a que todos consigam gerir de forma eficaz os processos de crescimento e de mudanças, através do desenvolvimento e optimização das suas competências emocionais e sociais.
blogs SAPO
RSS